sexta-feira, 8 de abril de 2016

Painel RPC com Maria Rosa, a menina que encantou Anthony Quinn

Cheio de histórias e curiosidades, o Painel RPC deste sábado (9) vai levar o público até Pontal do Paraná para conversar com Maria Rosa da Silva, que, quando criança, encantou o ator e diretor Anthony Quinn.

Painel RPC com a apresentadora Adriana
Maria Rosa tinha 11 anos quando Quinn veio ao Brasil para filmar “Oriundi” e conheceu a menina que trouxe fortes lembranças de alguém no passado – pessoa que nunca foi revelada. Foi então que ele convidou Maria Rosa para morar nos Estados Unidos e ofereceu a ela uma moradia, estudos nos melhores colégios e um futuro de atriz. Na época, Maria Rosa não aguentou a distância da família e após 15 dias voltou para o Brasil. Passados 18 anos, a repórter Adriana Milczevsky foi até o litoral paranaense para saber detalhes desta história e saber como Maria vive hoje.
O Painel RPC também traz, direto de Foz do Iguaçu, a campanha "saia com saia", criada pela médica ginecologista Laura Lúcia Martins, para que as mulheres cuidem da saúde, começando com a autoestima. E de União da Vitória, o programa vai mostrar a história de Luisa Pohl, uma artista que pinta com os pés desde os cinco anos de idade. Luisa nasceu com uma má formação congênita das mãos e, com o passar dos anos, aprimorou a técnica de pintar com os pés.
O programa será exibido neste sábado, na RPC, a partir das 8h30, logo após o programa Como Será?.

SOBRE A RPC:
A RPC é uma empresa que faz parte do Grupo Paranaense de Comunicação (GRPCOM), com suas oito emissoras de TV afiliadas à Rede Globo no Paraná. A emissora é líder em audiência e pioneira na transmissão da TV Digital na região Sul do país. Com tecnologia de ponta, disponibiliza uma programação de qualidade e diversificada para toda a população do Paraná. Também fazem parte do GRPCOM os jornais Gazeta do Povo e Tribuna, o portal de notícias ParanáOnline, as Rádios 98FM, Mundo Livre FM Curitiba e Maringá, a unidade móvel de produção em alta definição HDView e o instituto de responsabilidade social, o Instituto GRPCOM.
Postar um comentário