terça-feira, 1 de julho de 2014

ABAIXO-ASSINADO ELETRÔNICO: vamos salvar o tatu-bola!


Quem me acompanha no Facebook já viu dia desses que compartilhei mais essa causa divulgada pelo Portal Change: a salvação do tatu-bola, atual símbolo do Brasil como mascote Fuleco, tão divulgado nessa Copa.
O abaixo-assinado tem como objetivo solicitar ao Ministério do Meio Ambiente que se comprometa imediatamente com a criação do Parque do Tatu-Bola no Nordeste do Brasil. 
O Tolypeutes tricinctus, o tatu-bola, é uma espécie endêmica e ameaçada do Brasil  e  está há mais de 10 anos na lista de extinção e por enquanto nada foi feito para evitar seu desaparecimento, nem sequer um Plano de Ação que identifique as medidas necessárias e um cronograma para a sua conservação.
A petição é uma iniciativa de pesquisadores da Universidade Federal de Permambuco, que pesquisam a caatinga, o bioma menos preservado do país e habitat natural do tatu-bola.
Considerando que o Ministério do Meio Ambiente já identificou mais de 80 sítios  considerados prioritários para a proteção da biodiversidade da Caatinga, qualquer um destes poderia ser destinado ao Parque do Tatu-Bola solicitado na petição.
E que melhor hora senão a Copa quando o 'Fuleco' esta´fazendo tanto sucesso e com os holofotes da imprensa internacional sobre ele?
Já são mais de 168 mil assinaturas, mas o grupo busca apoio para atingir mais de 200 mil. Por isso, este Post solicitando sua ADESÃO!
E é super fácil PARTICIPAR: BASTA entrar no link abaixo e colocar seus dados. Para quem está em Redes Sociais, é possível também compartilhar a causa.
Nesta quarta-feira, 2 de julho, os pesquisadores irão entregar o abaixo-assinado para o Ministério do Meio Ambiente. A petição será entregue ao presidente do ICMBio, Roberto Ricardo Vizentin - o órgão federal é responsável pela gestão das unidades de conservação do país. A presença da ministra Izabella Teixeira ainda não foi confirmada, mas os pesquisadores estão otimistas de que ela também estará presente para receber o abaixo-assinado.

ASSINE e DIVULGUE VOCÊ TAMBÉM!
Postar um comentário