quinta-feira, 10 de junho de 2010

HOJE: teatro em Castro!

ESPETÁCULO “VIDA” FAZ TEMPORADA EM CASTRO

Clique sobre a imagem para a ver em maior tamanho

Depois de estrear com sucesso no Festival de Curitiba e fazer temporada no Rio de Janeiro, o mais novo espetáculo da Companhia Brasileira de Teatro terá duas apresentações em Castro. A peça “Vida”, um sucesso de crítica e público, estará em cartaz dias 10 e 11 de junho, às 20 horas, no Teatro Bento Mossurunga.
Sediado em Curitiba, o grupo paranaense conta com uma integrante nascida em Castro, a atriz Nadja Naira. Completam o elenco do espetáculo a atriz Giovana Soar e os atores Ranieri Gonzalez e Rodrigo Ferrarini. Gonzalez também é conhecido, fora dos palcos, pela atuação na TV e Cinema. Já atuou em sete produções da Rede Globo, entre mini-séries, especiais e novelas como “Esperança” e longa-metragens como “Olga”. Ferrarini, por sua vez, recentemente ganhou destaque no cinema com participação no premiado filme “Estômago”. A direção do espetáculo é assinada por Marcio Abreu.

Foto de Marco Novak.

O ESPETÁCULO
A idéia da vida como transformação. Este A montagem teve estreia nacional na Mostra 2010 do Festival de Curitiba, em março. Depois, no mês de abril, cumpriu temporada na cidade, no mesmo Teatro José Maria Santos.
“Vida” traz para a cena o resultado de um longo e profundo período de pesquisas sobre a obra do poeta curitibano Paulo Leminski. A peça não é a adaptação de uma obra literária, mas sim um texto original escrito a partir da experiência de leitura e de convivência criativa com os textos do autor e suas referências.
Não existe no texto a citação de um único poema de Leminski na íntegra, mas a essência da obra de Leminski, está por lá, viva e pulsante. Essência que flui por um vulcão de energia criativa e de vida, cultura, inteligência e constantes estímulos.
Com liberdade para criar e repensar, os integrantes da companhia se deixaram atravessar e contaminar pelo espírito rebelde e revolucionário de Leminski. A influência também se reflete no fluxo visceral de idéias, que remete a Catatau, obra maior do artista. Um fluxo urgente, nas águas do qual se é arrastado sem poder parar.

ENREDO
O enredo de Vida é simples. Exilados numa cidade imaginária, dois homens e duas mulheres fazem parte de uma banda que ensaia para uma apresentação comemorativa do jubileu da cidade. Fechados numa sala vazia, convivem entre si e revelam comportamentos, relações, conflitos e histórias. Erupções de suas vidas prosaicas, repletas de humor, sensibilidade e um sentido de transformação.
A partir da relação dos quatro personagens, se transformando - a si próprios e aos outros, assim como ao ambiente que os cerca – brota e flui uma viagem para a mudança. Mudar, ou não conseguir mudar e apenas ver.
A música, mais uma vez no trabalho da companhia, desempenha a função de um elemento dramatúrgico. Criada por André Abujamra, a trilha sonora promove o encontro de várias referências, em sintonia com o espírito de toda a obra. O jazz de Etta James encontra confluência em ritmos do leste europeu, revelando mais uma vez o universo plural de referências que se admite colher, essência leminskiana latente. Os atores não são músicos. Exploram naturalmente a limitação que possuem com os instrumentos. Tocam na medida de suas possibilidades, buscando relação entre eles mesmos e o mundo. Transformam o silêncio em vida, assim como fazem do vazio matéria prima da criação.

SERVIÇO

VIDA
Texto e Direção: Marcio Abreu
Dramaturgia: Giovana Soar, Marcio Abreu e Nadja Naira
Elenco: Giovana Soar, Nadja Naira, Ranieri Gonzalez e Rodrigo Ferrarini
Músico: Gustavo Proença
Trilha sonora: André Abujamra
Direção Vocal de Texto: Babaya
Cenário e Figurino: Fernando Marés
Iluminação: Nadja Naira
Assistente de iluminação e produção: Erica Mityko
Arte Gráfica: Solda
Design Gráfico: Adriana Alegria
Tradução dos textos: Anna Podlesna Guarize, Irina Starostina e Giovana Soar
Produção Executiva: Cássia Damasceno
Contra-regra e estagiário de produção: Rodrigo Hayalla
Duração: 100 minutos Classificação: 14 anos
SERVIÇO – CASTRO
Data: Dias 10 e 11 e junho, às 20h
Local: Teatro Bento Mossurunga - Castro
Endereço: Praça Manoel Ribas, 43
Fone: 42 - 3906-2132 (TBM)
42 - 3906-2120 (Secretaria de Esporte e Cultura)
Ingresso: R$10,00 e $5,00

Postar um comentário