quarta-feira, 20 de maio de 2009

Vereadores buscam solução para cães de rua em Castro

(Foto de Karina Kozinski)
O presidente da Câmara Municipal de Castro, Antonio Levi Napoli Pinheiro (PMDB), realizou na terça-feira (19), na sede do Legislativo, reunião com a coordenadora da Vigilância em Saúde, Natalie Cotrim Zadhi, e a enfermeira da unidade, Daniele Mayer, para discutir soluções para o problema dos cães abandonados nas ruas do município. Participaram do encontro os vereadores Marcos Simão (PMDB), Joel Elias Fadel (PSDB), José Carlos Milczwski (PP) e o chefe de gabinete Mozar Lopes.
Castro não conta atualmente com canil municipal. Portanto, um dos projetos apresentados durante a reunião foi a instalação do Centro de Controle de Zoonoses, submetido à Fundação Nacional de Saúde (Funasa). Natalie explicou que para criar uma unidade no município é preciso de local adequado, veículo e funcionários para capturar os animais. Ela destacou também a necessidade de uma ação conjunta dos veterinários da cidade para realizar esterilizações. Ela conta que depois de resgatados por veículo da Prefeitura, os cães devem permanecer no canil por seis dias e só depois desse prazo, se o dono do animal não o retirar, ele deve ser esterilizado.
Outras ações sugeridas na reunião foram a criação de uma legislação específica, estipulando multas para quem deixar seus animais nas ruas, e a realização de campanha para orientar a população dos problemas que os cães abandonados trazem para a saúde e segurança pública. Além de veterinários, será estudada ainda uma parceria com o curso de Zootecnia.
Postar um comentário